A Influência dos smartphones na capacidade cognitiva


Estudos apontam que apenas a presença de smartphones afetam a capacidade cognitiva dos usuários. Eles estão presentes em praticamente todos os ambientes do nosso dia a dia e a quem durma com um deles ao lado do travesseiro ou até mesmo embaixo.

Esses aparelhos surgiram a pouco mais de uma década e nesse período chegaram aos quatro cantos do planeta, divididos em diversas marcas e milhares de modelos. Existe até quem não aguenta e troca de celular a cada mês para não perder as novidades. Obviamente que essa criação trouxe diversos benefícios, mas atrapalha em alguns aspectos.

Testes com smartphones

Pesquisadores da Universidade de Chicago, liderados pelo doutor Adrian F. Ward, fizeram testes simples com a colaboração de 800 voluntários. No primeiro deles o objetivo era memorizar letras e fazer contas; no segundo os participantes eram expostos a um conjunto de imagens que formavam um padrão e então deviam escolher uma para completar o sistema.

smartphone cognitiva

Como foram os testes?

Para chegar a um número significativo da influência dos celulares, os testes foram feitos por três grupos. O primeiro deles mantinha os smartphones com a tela virada para baixo, em cima de uma mesa; o segundo deixava o aparelho no bolso ou na bolsa; e o terceiro longe da vista, em outro ambiente. Os dispositivos estavam com alertas sonoros e de vibração desligados.


O grupo que ficou com os smartphones em outra sala se saiu bem melhor que os outros dois. Apenas a presença do celular foi capaz de causar problemas semelhantes aos defeitos da privação do sono. Essa desatenção foi denominada de “fadiga cerebral”.

Problema ou solução?

O pesquisador Sharif Mowlabocus publicou um objeto de estudo na revista científica digital First Monday falando sobre o poder dos smartphones. De acordo com Mowlabocus, são dispositivos favoráveis ao capitalismo tardio e a velocidade da informação. Por outro lado, oferece um escape para essa situação, sendo a solução e uma parte do problema relacionado com a concentração dos usuários.

Conclusão dos pesquisadores

De acordo com os pesquisadores, a maioria das inovações ocupa um espaço definitivo na sociedade. Antes as novas tecnologias eram exclusividade de alguns grupos, mas a globalização acabou com isso. Para os especialistas, os smartphones superam tudo isso, oferecendo conectividade e um mundo gigantesco de informações.

Os efeitos relativos a capacidade cognitiva aumentam conforme a dependência dos smartphones. Esse tipo de dispositivo também apresenta alta capacidade de entretenimento, não deixando o usuário sem ter o que fazer. Em pouco mais de dez anos, o mundo já conta com um número superior a três bilhões de smartphones.

Sucesso dos smartphones

Os pesquisadores liderados por Ward dizem que os smartphones são muito mais do que um dispositivo com câmera e que possibilita a troca de mensagens instantâneas. Para eles, esse tipo de dispositivo passou a ser o centro do novo mundo, o mundo conectado.

Assim sendo, embora apresentem vantagens para o entretenimento, informação e comunicação, os smartphones interferem na capacidade cognitiva de seus usuários comprovadamente. Os efeitos podem ser provocados até mesmo por smartphones alheios.


Mais celulares legais:

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

Nome *
Email *
Site