Quais os direitos e deveres de uma assistência técnica de celular?

Compartilhe


O aumento de celulares utilizados no mercado trouxe também o aumento de consertos desses aparelhos. E por consequência, há um número maior de assistências técnicas e lojas especializadas na manutenção de aparelhos móveis.

Assim como em qualquer outro negócio, a assistência possui direitos e deveres que necessitam ser respeitados.

Este artigo tem como objetivo conhecer os principais direitos e deveres de uma assistência técnica de celular.

Principais Direitos das Assistências Técnicas de Celular

assistencia tecnica celular

Nem só de obrigações vive uma empresa, ela também possui direitos que as protegem. Assim como o cliente não pode ser lesado, a loja também não.

  1. Guarda dos produtos reparados

Existem algumas situações as quais o cliente leva o aparelho para a manutenção, mas por algum motivo não vai retirá-lo dentro do prazo.

O estabelecimento tem que guardar o aparelho? Pois bem, segundo o CDC (Código de Defesa do Consumidor) não existe um prazo para que a loja mantenha esse produto guardado. Mas o prazo praticado no mercado é de 30 dias.

Após esse prazo, a assistência técnica deverá notificar o cliente que findou o prazo para a guarda do aparelho. Se o cliente não comparecer dentro desse novo prazo estipulado, a loja deverá entregar a guarda do aparelho à autoridade policial ou juiz.

Em hipótese alguma, a loja poderá doar ou vender esse aparelho, sob pena de ser responsabilizada civil e criminalmente.

A assistência técnica também poderá cobrar um valor de diária, após o prazo estipulado. Essa informação deve constar no recibo ou protocolo de entrega do aparelho.

  1. Exigência de dados do Cliente

A fim de garantir a segurança, tanto para o cliente quanto para a assistência técnica, o cliente deve informar seus dados pessoais como: nome completo, documento de identidade, CPF, endereço e telefone de contato.

  1. Taxa de vistoria

A Assistência técnica não poderá cobrar pelo orçamento. Porém, pode ser cobrada uma taxa de deslocamento, caso o cliente queira que o técnico vá até a sua residência.

Principais Deveres das Assistências Técnicas

  1. Orçamento e Tabela de Preços

Segundo o Código de Defesa do Consumidor, a validade do orçamento é de dez dias.

Os serviços já previstos neste orçamento não poderão sofrer acréscimos nesse período, ainda que decorram de contratação de terceiros.

assistencia tecnica celular direitos

A assistência deverá informar ao cliente todos os serviços a serem realizados. Sempre de forma detalhada e clara.

Caso algum serviço tenha sido realizado sem o conhecimento prévio do cliente, esse poderá então recusar-se a pagar os valores omitidos.

O Código de Defesa do Consumidor exige que haja um tabela com os preços, assim como a informação de condições de pagamento.

  1. Garantia do Serviço

Ainda que o aparelho saia da assistência técnica funcionando perfeitamente, isso não significa que não haja responsabilidades por novos consertos.

Caso ocorra um outro defeito, o mesmo ou um novo, dentro do prazo de garantia, o cliente poderá exigir novo conserto, restituição ou abatimento de valores pagos.

Se a assistência constatar que o dano ocorreu por uma má utilização do cliente, é dever dela comprovar através de um laudo.

As peças utilizadas devem ser originais e novas, conforme estabelece o CDC. Porém, é possível um acordo entre as partes. O uso dessas peças deve ser comunicado previamente e especificado no orçamento e no termo de garantia.

  1. Prazo para Conserto

Segundo a legislação, na vigência da garantia do produto, o prazo para reparo é de, no máximo, 30 dias. Este prazo é contado a partir da entrada do produto na assistência e deverá ser contado em dias corridos.

Se o aparelho estiver fora da garantia, contratual ou legal, o CDC estabelece que a assistência estipule o prazo. Esse prazo deve ser comunicado ao cliente e a assistência tem a obrigação por cumpri-lo.

  1. Reparação de Danos

Antes da realização cada um dos serviços ou procedimentos, o profissional deve fazer todas as perguntas necessárias e tirar todas as dúvidas. Tudo isso para garantir que o resultado seja realmente aquele que o cliente deseja.

O cliente tem todo o direito de questionar sobre qualquer detalhe, tanto dos serviços, produtos ou peças utilizadas.

Caso haja algum dano no aparelho, a assistência técnica responde e tem o dever de indenizar. Ainda que não tenha culpa, mas sobre ela está a guarda do aparelho.

O Código de Defesa do Consumidor e toda a legislação existem para garantir que haja respeito e transparência na relação de consumo entre cliente e fornecedor. Por isso, esteja sempre atento tanto aos direitos quantos aos deveres que cabem a ambas as partes.

.Gostaram das dicas pessoal?

Sugestões e pedidos de novas matérias podem deixar nos comentários


Compartilhe

Aficcionado por Tecnologia,paixão por games, desde a época do pentium133. Macmaniaco e entusiasta do android. Junior escreve aqui no celular sobre sua paixão e ajuda os leitores com seus tutoriais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *